Você sabe o que é a membrana conjuntiva ocular?

Pelo menos alguma vez na vida você deve ter tido ou conhecido alguém que teve conjuntivite, certo? Podendo ter origem de uma inflamação ou de uma infecção, a conjuntivite ocorre quando a membrana conjuntiva entra em contato com o mundo externo. Mas, você sabe o que é a membrana conjuntiva ocular?

Mesmo com um nome complexo, a membrana conjuntiva ocular (que também pode ser chamada somente de conjuntiva) é simplesmente a membrana mucosa e transparente que reveste a parte interna das pálpebras e a parte exposta da córnea – estendendo-se para recobrir a parte branca do olho.

Sua função é formar uma barreira protetora contra corpos estranhos que possam vir a entrar em contato com o olho, variando desde perfurações até à alergias, vírus e bactérias.

Então, como acontece a conjuntivite?

A membrana conjuntiva tem por função proteger nossos olhos, porém, ao entrar em contato com substâncias que irritem os olhos de alguma maneira, ou que causem reações alérgicas, elas podem ficar sensíveis. Da mesma forma, caso algum vírus ou bactéria a atinja, é bem provável que a conjuntiva desenvolva uma conjuntivite – sendo essa, mais perigosa, por ser contagiosa.

Para evitar o contágio da conjuntiva, é importante manter tudo que possa estar sujo e/ou contaminado longe do alcance dos olhos. E isso vale principalmente para nossas mãos, que são grandes transmissores de bactérias.

E para aqueles que usam lentes de contato, é preciso atenção redobrada. Isso pois o uso prolongado e a não higienização periódica delas pode também ser um fator de risco e até uma possível causa de conjuntivite.

Como prevenir a irritação da conjuntiva?

Por ser uma irritação que ocorre a partir tanto de uma infecção, quanto de uma inflamação, é difícil fazer uma prevenção 100% eficaz.

Porém, algumas medidas podem ser eficazes e ajudar bastante a saúde dos seus olhos, como, por exemplo:

  •  Não utilizar maquiagens de terceiros (principalmente próximo aos olhos), nem emprestar as suas para outras pessoas;
  •  Não compartilhar toalhas e lenços para enxugar o rosto;
  • Lavar as mãos sempre que possível e evitar coçar ou tocar os olhos;
  • Usar óculos de mergulho ao nadar em piscinas, para evitar o contato com o cloro;
  • Não utilizar pomadas ou colírios sem prescrição médica;
  • Não fazer o uso de lentes de contato enquanto estiver com conjuntivite.
Hospital de Olhos
MENU