Homem com sintomas de irritação nos olhos

Conheça as principais doenças oculares, onde e como tratá-las

Várias pessoas subestimam o cuidado com os olhos e deixam de ir ao oftalmologista mesmo quando sintomas diferentes aparecem. Entretanto, é importante lembrar que várias doenças oculares têm prevenção e basta consultar com um especialista de confiança para que o acompanhamento seja feito da melhor maneira. Lembrando que usar colírios sem prescrição médica e fazer óculos de grau sem consultar um oftalmologista são erros que podem resultar em problemas graves na visão.

Saiba que manter uma alimentação saudável e monitorar doenças como diabetes e hipertensão são outras maneiras de cuidar da saúde dos olhos. Neste post você vai ver algumas das principais doenças oculares, seus sintomas, onde e como tratá-las.

Principais Doenças Oculares:

Astigmatismo

Uma córnea normal é redonda e lisa, mas a curvatura da córnea das pessoas que possuem astigmatismo é mais ovalada. Isso interfere na maneira como elas enxergam, por isso quem tem essa doença tem a visão embaçada e enxerga uma imagem distorcida. É uma das doenças oculares mais comuns no Brasil e pode afetar desde crianças até pessoas de idade. Um dos tratamentos é o uso de óculos ou lentes de contato, que evitam enxaquecas e cansaço nos olhos.

Catarata

Quem tem catarata tem a visão embaçada, dificuldade para ler e necessidade de luz para poder enxergar com mais nitidez. É uma das doenças oculares que mais atingem pessoas com mais de 40 anos e pode ser diagnosticada com facilidade desde que a consulta seja feita com um oftalmologista qualificado. O tratamento indicado é a cirurgia, que é rápida, mas é muito delicada.

Conjuntivite

A conjuntivite é um processo inflamatório que ocorre na conjuntiva, que consiste em uma membrana que cobre a região branca do olho e a superfície interna das pálpebras. Ela pode ser causada por vírus, bactérias, fungos ou alergias. Vermelhidão, coceira e inchaço nas pálpebras são os principais sintomas desta doença. Após o diagnóstico, o tratamento é feito com colírios com antibiótico e compressas de soro fisiológico para limpeza.

Glaucoma

Uma das doenças oculares mais comuns e sérias é o glaucoma. Sem o diagnóstico e tratamento adequados, o paciente pode ficar cego. A doença faz com que ocorram danos irreparáveis no nervo óptico, que é o responsável por levar as informações visuais até o cérebro. O tratamento tem como o objetivo reduzir a pressão nos olhos e isso pode ser feito com medicamentos ou até mesmo cirurgias.

Miopia e hipermetropia

A miopia e a hipermetropia ocorrem porque o comprimento do olho é maior ou menor que o normal. Nesse sentido, a imagem se forma fora da retina e consequentemente as pessoas têm dificuldade para enxergar.

No caso da miopia, enxergar objetos longe é difícil, e quem tem hipermetropia sente desconforto ao focar imagens muito próximas. São doenças oculares que atingem desde crianças a adultos. O tratamento é feito por meio de óculos, lentes de contato ou cirurgias.

Onde e como tratá-las?

Para tratar doenças oculares, o primeiro passo é manter a rotina de consultas ao médico oftalmologista, mesmo que você não apresente sinais de que algo está errado. Isso porque muitas dessas condições não apresentam sintomas claros quando ainda estão no princípio. O acompanhamento oftalmológico para crianças varia de acordo com a orientação do pediatra e se intensifica durante a fase de alfabetização. Enquanto adolescentes, adultos e idosos seguem a rotina de consultas anuais.

Ao identificar algum problema, seu médico irá indicar o tratamento ideal para resolvê-lo., É fundamental lembrar que seguir as recomendações exatamente como foram passadas é imprescindível. Alguns quadros podem ter diferentes opções de tratamento como as doenças refrativas — miopia, hipermetropia e astigmatismo — que podem ser tratadas com o uso de óculos, lentes de contato ou por meio da cirurgia a laser. Nesse caso, converse com o seu médico para que você possa entender melhor cada opção. 

Viu como as doenças oculares também são sérias e exigem atenção? Então, tenha em mente que tratá-las é uma questão séria e que deve ser enfrentada com rigor. O melhor tratamento é aquele que começa com a prevenção. Caso você tenha alguma dúvida, deixe um comentário e continue se informando no nosso blog.

Hospital de Olhos
MENU