pote de lentes de contato

Todo mundo pode usar lentes de contato?

lentes de contato

As lentes de contato têm a mesma função dos óculos: corrigir problemas de refração. Ou seja, se existir algum problema que impeça as imagens de serem projetadas corretamente na retina, elas são indicadas. A ideia de usar lentes corretivas diretamente nos olhos é de Leonardo da Vinci, mas somente em 1887 que as primeiras foram construídas pelo fisiologista alemão Adolf Eugen Fick. A verdade é que desde então a tecnologia evoluiu a favor da saúde dos olhos e atualmente existem modelos de lentes específicas e adaptáveis a quase todos os tipos de patologias e erros refrativos oftalmológicas.

Se você procura saber se pode usar lentes de contato, esta resposta só poderá ser dada por um oftalmologista. Mesmo quando o uso for puramente cosmético, o médico examinará seus olhos e sua fisiologia. Desta forma, ele poderá indicar o modelo correto aos seus olhos. Algumas patologias oculares dificultam o uso de lentes corretivas, entre elas estão o olho seco, infecção ocular crônica e alergia ocular. Entenda quais condições podem ser corrigidas com o uso de lentes de contato.  

Miopia: lentes de contato para enxergar longe

Pessoas com miopia tem dificuldades para enxergar de longe. Em alguns casos, quando o grau é alto, objetos a um metro ou mais de distância já podem ficar embaçados. As lentes de contato para corrigir a miopia são mais estreitas no centro que nas bordas. Desta forma, a luz será melhor direcionada para a retina.  

lentes de contato

Hipermetropia: lentes de contato para ver perto

Pacientes hipermetropes se queixam de dificuldades para enxergar objetos pertos, como livros, por exemplo. Para estas pessoas, as lentes são mais grossas no centro e finas nas bordas. Assim, a imagem poderá ser projetada e focada corretamente na retina.   

Astigmatismo: a tecnologia a favor dos olhos

Durante muitos anos pacientes com astigmatismo não puderam usar lentes de contato. Isto porque este erro refrativo dificulta a visão (turva ou distorcida) em todas as distâncias. Entretanto, com o constante desenvolvimento tecnológicos, foi possível desenvolver lentes que se adaptam às diferenças individuais dos olhos.

As vantagens das lentes de contato começam com a estética e vão até o conforto para praticar atividades limitadas pelos óculos, por exemplo, a prática de esportes. Além destes benefícios, ainda há o aumento do campo de visão e conforto ao longo das atividades diárias. Acima de tudo, o usuário de lentes de contato deve manter cuidados especiais com a higiene e hábitos. Isso significa sempre lavar as mãos antes de manusear as lentes, evitar ressecamentos, assim como guarda-las em solução adequada. Da mesma forma, é importante trocá-las no tempo correto, não dormir de lentes e evitar a exposição a poeira.

Ter o aval do médico oftalmologista e manter os hábitos corretos durante o uso são a receita para que a sua experiência com as lentes de contato seja bem-sucedida. Conhecendo os seus olhos, seu médico saberá indicar o melhor modelo de lentes para o seu caso. Você usa lentes de contato? Compartilhe suas experiências nos comentários.

 

Hospital de Olhos
MENU