Como as bebidas alcoólicas podem colocar em risco a saúde dos olhos?

saúde dos olhos

Quando o assunto é a saúde afetada pelas bebidas alcoólicas, é fácil se lembrar de questões ligadas ao fígado, ao coração e até mesmo ao cérebro. O que pouca gente sabe, entretanto, é que esse tipo de hábito também afeta a saúde dos olhos.

O consumo de álcool de maneira regular pode fazer com que a visão seja afetada pontualmente ou mesmo de maneira permanente. Para saber mais sobre como isso acontece, veja a seguir quais são os riscos para os olhos.

As alterações na percepção de contraste são efeitos em curto prazo

Inicialmente e em curto prazo, o consumo de bebidas alcoólicas é capaz de diminuir a percepção de contraste que os olhos possuem. Especialmente em momentos de transição de claridade, como no final da tarde, fica mais difícil identificar contrastes diferentes.

Isso altera a noção de espaço e de profundidade e acontece principalmente enquanto o álcool está no organismo. Porém, mesmo em curto prazo é possível observar essa sensação se tornando mais permanente, de modo a tornar a visão mais difícil.

Os músculos que controlam o foco são alterados

Já em médio e longo prazo, os efeitos da bebida alcoólica na saúde dos olhos tendem a ser mais intensos. Isso porque, com o álcool, os olhos ficam com mais dificuldade de focalizar a imagem e torná-la nítida.

Com os músculos precisando trabalhar mais, eles se desgastam de maneira mais intensa e o mecanismo é afetado mais rapidamente. Eventualmente, isso torna permanentes os problemas quanto à percepção de profundidade e distância, uma vez que os músculos perdem capacidade de acomodação e adaptação.

saúde dos olhos

A diminuição da visão periférica é outro risco à saúde dos olhos

Outro risco bastante considerável é que passa a haver uma perda do campo periférico de visão. Isso faz com que a pessoa que consome bebidas alcoólicas com muita regularidade tenha prejudicada a sua capacidade de enxergar o que está ao seu redor sem precisar olhar diretamente.

Isso se deve principalmente porque a visão passa por um processo de estreitamento, fazendo com que ela fique em um formato de túnel. Com isso, é mais difícil ter um bom campo de percepção, o que traz prejuízos para atividades como sentar ao volante.

As consequências mais graves não estão descartadas

Embora todas essas consequências possam parecer problemas menores, a saúde dos olhos pode ficar comprometida de maneira muito intensa. Em primeiro lugar, o álcool pode ajudar a “absorver” a lubrificação natural dos olhos, levando à síndrome dos olhos secos. Isso pode causar lesões na córnea e dificultar a visão de uma maneira progressiva.

Além disso, o consumo constante desse tipo de produto pode afetar o nervo óptico, o que poderia gerar uma perda permanente de visão. Não menos importante, o risco de glaucoma também fica mais elevado e, sem o devido tratamento, o dano no nervo óptico pode ser irreversível.

As bebidas alcoólicas, especialmente se consumidas sem moderação e por um longo período de tempo, podem causar problemas graves à saúde dos olhos. O ideal, portanto, é manter o equilíbrio nesse consumo e ficar sempre atento à saúde da visão.

Utilize o espaço nos comentários para compartilhar experiências e opiniões sobre o consumo de bebidas e a visão!

Hospital de Olhos
MENU